A atenção com os erros de fluxo de caixa para evitar problemas na gestão financeira e, consequentemente, na empresa é uma necessidade que precisa ser priorizada pelos empreendedores e profissionais da área financeira.

Um único valor digitado de forma errada pode comprometer toda a gestão, causando sérios problemas e dificuldades ao negócio, inclusive, riscos fiscais.

O fluxo de caixa é um instrumento que tem por objetivo auxiliar a empresa a administrar seus recursos financeiros a partir de informações fidedignas e atualizadas.

Todas as entradas e saídas monetárias da empresa devem ser registradas, o que possibilita um acompanhamento diário da situação do caixa e permite a gestão financeira do empreendimento.

Portanto, os cuidados com erros de fluxo de caixa para evitar decisões que tragam prejuízos para a empresa devem ser prioridade. 

Nesse post vamos apresentar os equívocos mais comuns que são cometidos e como evitá-los. Continue lendo e confira!

Erros de fluxo de caixa para evitar problemas na sua empresa

É possível corrigir os erros de fluxo de caixa para evitar problemas na sua empresa de forma assertiva. Para isso, é preciso sempre ter atenção a esses pontos e mudar alguns hábitos:

Desconhecimento sobre o fluxo de caixa

Desconhecer a importância do fluxo de caixa é um dos principais motivos para que muitas empresas ainda tenham dificuldade com essa ferramenta.

Da mesma forma, a falta de conhecimento na sua elaboração faz com que muitos gestores não o adotem.

Diferente do que muitos empresários pensam, é possível ter um fluxo de caixa investindo poucos minutos por dia para isso.

Ter falta de controle do capital de giro

O capital de giro é o dinheiro que precisa estar disponível para a operação diária da empresa.

O fluxo de caixa permite que sejam feitas projeções sobre ele e que se realizem ações para corrigir possíveis problemas futuros.

O incentivo e benefícios oferecidos aos clientes para pagamentos à vista, por exemplo, podem ser boas alternativas, bem como negociar prazos maiores com fornecedores.

Não levar em conta as condições de pagamento no fluxo de caixa

Comprar à vista e vender a prazo pode criar uma situação insustentável se a empresa não tiver dinheiro suficiente em caixa para suportar a operação.

Todavia, o contrário, comprar a prazo e vender à vista, é um excelente negócio que colabora com o fluxo de caixa e otimização do capital de giro da sua empresa.

Portanto, estar atento às condições de pagamento com relação às vendas e às compras é importante para a saúde financeira da sua empresa.

Não ter esse controle é um dos maiores erros de fluxo de caixa para evitar na gestão.

Deixar para depois a organização do fluxo de caixa

Ainda é comum, em grande parte das empresas, ocorrer retirada ou entrada de dinheiro sem o devido registro.

Isso, geralmente, ocorre pelas exceções ou urgências que são abertas e depois passam esquecidas de serem registradas.

Esse problema faz com que, muitas vezes, sobre ou falte dinheiro no caixa da empresa em relação ao sistema de gestão.

Em grande parte das vezes não se lembra a origem ou o destino, o que para a contabilidade é um sério problema e para a leitura do fluxo de caixa também.

Fazer o controle por meio do livro caixa 

Muitas empresas possuem dificuldades de mudar processos tradicionais e habituais que até então eram feitos. Um exemplo disso é o uso do livro caixa.

Usar esse método manual pode ser perigoso para a empresa, já que pode ocorrer perda do documento. 

Além disso, quando algum registro for feito de forma errada fica mais complicado para acertar, o que acaba fazendo com que todo o processo seja mais lento.

Existe ainda o problema da segurança, com o processo manual fica mais fácil proceder alterações indevidas ou mal intencionadas.

Vale lembrar que a tecnologia é uma realidade e deve ser usada a favor das empresas, facilitando processos e permitindo interpretações mais fidedignas do cenário real da empresa.

Os softwares permitem, de forma prática, rápida e confiável, que os registros necessários sejam feitos e os relatórios gerados de forma automatizada. 

Não observar os detalhes das operações financeiras

Toda movimentação de entrada e saída monetária precisa estar acompanhada de documentação que detalhe a operação, validando-a para os registros legais da contabilidade.

Cada prestação de contas deve estar acompanhada da nota fiscal, cupom ou documento que comprove os valores.

A ausência dessa documentação também é considerada um dos erros de fluxo de caixa que precisa ser evitado. 

Não utilizar o fluxo de caixa como uma ferramenta gerencial

Muitos gestores não dão a devida importância às ferramentas de apoio no gerenciamento da empresa, o que, normalmente, acaba ocasionando tomadas de decisões indevidas que inviabilizam a operação.

O fluxo de caixa possibilita trabalhar com simulações de cenários que apoiem decisões, mudanças estratégicas, planejamentos e objetivos a curto prazo.

Não se atentar que previsões são diferentes da realidade

As previsões, em especial de entrada de recursos financeiros, nem sempre acontecem, por isso, é preciso planejamento e controle.

As possibilidades do cliente atrasar ou ficar inadimplente existem e isso modifica completamente o fluxo de caixa.

Muitos empreendedores se iludem com as previsões que acabam não ocorrendo e gastam mais do que os recursos permitem. Esse é mais um dos erros de fluxo de caixa para evitar. 

Misturar os valores particulares com os da empresa

Misturar as contas da empresa com as dos sócios é, sem dúvida, um dos erros mais prejudiciais para o empreendimento. A legislação, inclusive, prevê a retirada do pró-labore e não permite que o dinheiro seja misturado entre Pessoa Física e Pessoa Jurídica.

Os empreendedores que não se atentam a esse fato, além de correr riscos fiscais, têm sérios problemas de gestão, pois, os controles passam a não existir e o fluxo de caixa se perde em meio a confusão gerada.

Falta de planejamento financeiro

A falta de planejamento atrapalha qualquer ação e na gestão financeira não é diferente.

É muito comum que gestores ainda façam as compras da empresa na empolgação ou sem planejamento, o que vai refletir no fluxo de caixa. 

Não contar profissionais capacitados

Você conferiu os principais erros de fluxo de caixa para evitar problemas na gestão financeira, mas é preciso dizer que boa parte deles acontece por falta de orientação de um profissional especializado.

É comum que o gestor se dedique ao core business da empresa e não à contabilidade. No entanto, necessariamente é preciso que seja orientado de forma correta para que todos os processos e procedimentos sejam feitos de acordo com a necessidade da instituição e a legalidade prevista.

Por isso, conte com a Audiccem para orientar sua empresa nesse processo e eliminar, assim, os erros de fluxo de caixa para evitar problemas na gestão financeira!

Foto